13
Visualizações
Acesso aberto Revisado por pares
Editorial

Evolução, transformação, expansão

Luis Paulo Rangel

Caros colegas,

Foi com imenso prazer que assumimos a direção do Departamento de Estimulação Cardíaca Artificial (Deca) da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascula (SBCCV), juntamente com uma diretoria selecionada, motivada e trabalhadora, composta por astros da estimulação cardíaca brasileira. Nosso mandato será de um ano e após, assumirá o atual vice-presidente, o Dr. Cláudio José Fuganti.

Neste ano procuraremos evoluir e trabalhar intensamente no credenciamento e na expansão da nossa área de atuação, fundamental para o Departamento e o livre exercício de nossa especialidade em todo território nacional.

A estimulação cardíaca e a eletrofisiologia estão passando por intensa evolução, transformação e expansão e temos a obrigação de inserir o Departamento neste contexto. A estimulação cardíaca deixou de ser aplicada somente às bradicardias, mas também à insuficiência cardíaca congestiva e ao controle das taquiarritmias. Isso requer atualização e aperfeiçoamento constantes de estimulistas, clínicos e cirurgiões. Por isso são necessários os constantes programas de educação continuada representados pelos Prones regionais, pelo Congresso Brasileiro de Arritmias Cardíacas (em conjunto com a Sobrac), a publicação de livros e da nossa revista Relampa.

A Relampa está sob o comando de um novo editor, o Dr. Celso Salgado de Melo, membro especialista do Deca e com grande experiência em publicações. Basta ler o volumoso compêndio de sua autoria, intitulado Temas de Marcapasso, para saber de sua capacidade e rigor científico, evidentes nas várias edições. Sob a sua responsabilidade, a revista adquiriu nova capa e novo formato para apresentar aos leitores artigos de excelente qualidade. Cumprimento-o por esta vistosa primeira edição.

Agradeço a todos aqueles que me apoiam nesta gestão e desejo boa leitura da nova Relampa.

Um forte abraço,


Luis Paulo Rangel
Presidente do Deca

© Todos os Direitos Reservados 2019 - Departamento de Estimulação Cardíaca Artificial da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular