20
Visualizações
Acesso aberto Revisado por pares
Homenagem

Homenagem a José Carlos de Araújo Bessa (07/10/1944 - 29/12/2012)

Celso Salgado de Melo

José Carlos de Araujo Bessa, cirurgião vascular formado em Uberaba - MG, foi o grande pioneiro dos marcapassos no Triângulo Mineiro na década de 1970. Fez residência de cirurgia cardiovascular em Belo Horizonte, iniciou seu trabalho em Uberaba e logo se transferiu para Uberlândia. Em 1975 foi convidado para realizar várias cirurgias de marcapasso em Uberaba, a convite do Prof. Sylvio Pontes Prata. Atuando nos hospitais São Paulo e Santa Cecília, sempre realizou seu trabalho com intensa boa vontade, empenho e dedicação.

Dotado de grande criatividade, habilidade e capacidade de trabalho, utilizou técnica inédita na época - o implante de marcapasso epimiocárdico por via subxifoideana.


Fotografia de 1989 em Uberlândia - MG. Da esquerda para a direita: José Carlos de Araujo Bessa, Prof. Zerbini e Celso Salgado de Melo na 3ª Jornada de Cardiologia do Triângulo MIneiro.



Foi o primeiro secretário da Sociedade de Cardiologia do Triângulo Mineiro, cujo primeiro presidente foi Celso Salgado de Melo. Trabalhou muito na divulgação da cardiologia no Triângulo Mineiro nas décadas de 1980 e 1990.

Umas de suas publicações de 1989, cujo resumo é mostrado a seguir, foi um interessante estudo comparativo de duas técnicas epicárdicas de implante de marcapasso, que lhe conferiu o título de especialista do DECA.

Ao nosso grande e fraternal amigo, nossa homenagem e gratidão.




Celso Salgado de Melo - Editor-chefe da RELAMPA

© Todos os Direitos Reservados 2019 - Departamento de Estimulação Cardíaca Artificial da Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular