RELAMPA
Indexada no Index Medicus Latino Americano e na
Base de Dados LILACS
SGP
 
   Português Inglês Inglês
Cancelar recebimento









Relato de Caso Páginas 157 a 161

Ablação de fibrilação atrial por radiofrequência em portador de marcapasso bicameral com bradicardia funcional

Autores: Carlos Thiene Cunha Pachón1; José Carlos Pachón M.2; Enrique Indalécio Pachón Mateos3; Remy Nelson Albornoz Vargas4

PDF

Descritores: Fibrilação Atrial; Ablação por Cateter; Marcapasso Cardíaco Artificial; Bradicardia; Estimulação do Nervo Vago.

RESUMO:
A fibrilação atrial é a arritmia sustentada mais frequente na prática clínica. Uma significativa parcela de pacientes portadores dessa afecção evolui com períodos de bradiarritmias, necessitando implante de marcapasso. Dessa forma, nos portadores de dispositivos cardíacos implantáveis, pode ser necessária a indicação de ablações complexas, como a da fibrilação atrial, com acesso transeptal e manipulação de cateteres próximo aos cabos-eletrodos definitivos. Relatamos o caso de um paciente portador de marcapasso bicameral com síndrome bradi-taquicardia e fibrilação atrial de alta frequência ventricular, refratária à medicação, no qual foi possível realizar a ablação da fibrilação atrial com sucesso a longo prazo, demonstrado pela telemetria do marcapasso, permitindo suspender a anticoagulação e sem necessidade de indicar bloqueio atrioventricular.

R E L A M P A
Copyright 2018 DECA Departamento de Estimulação Cardíaca Artificial da SBCCV GN1
RELAMPA